PRF apreende 66 toneladas de drogas no Paraná no 1º semestre de 2020 - Portal Douglas Souza - Notícias da Região.

Notícias

Post Top Ad

Post Top Ad

terça-feira, 7 de julho de 2020

PRF apreende 66 toneladas de drogas no Paraná no 1º semestre de 2020

Portal Douglas Souza

A maior apreensão ocorreu em abril em Palotina. Equipes da PRF e da PF apreenderam 8,3 toneladas de maconha, dois fuzis, 14 pistolas e 7,2 mil munições

Foto - Agência PRF
A Polícia Rodoviária Federal do Paraná divulgou nesta terça (7) que apreendeu 66,1 toneladas de drogas durante o primeiro semestre de 2020. Também foram apreendidas 29,5 milhões de carteiras de cigarro e 63 armas de fogo. 


Do total de drogas apreendidas, 64,6 toneladas são de maconha e 1,1 tonelada de cocaína. Além disso, foram presas. No mesmo período em 2019, a PRF havia registrado 13,7 toneladas de maconha e 906 quilos de cocaína. Ao longo de todo o ano de 2019, foram apreendidas 66 toneladas de drogas.


Desse modo, o total de 64,6 toneladas de maconha representa um aumento de quase cinco vezes em relação ao total que tinha sido aprendido no ano passado. Já o total de 29,5 milhões de carteiras de cigarro contrabandeadas do Paraguai representam um aumento de mais de duas vezes em relação ao recolhido em 2019. O número de pessoas presas aumentou 38% em relação ao ano passado, quando os agentes prenderam 1.273 pessoas. 


Entre os meses de janeiro e junho deste ano, as equipes da PRF apreenderam ainda 7 toneladas de agrotóxicos, contra 805 quilos apreendidos no mesmo período em 2.019.


APREENSÕES Muitas operações relacionadas ao tráfico e ao contrabando foram feitas, entre elas a maior de 2020, que ocorreu em abril em Palotina (https://redesuldenoticias.com.br/noticias/operacao-da-pf-e-da-prf-apreende-fuzis-pistolas-e-drogas-no-parana/). Equipes da PRF e da PF apreenderam 8,3 toneladas de maconha, dois fuzis, 14 pistolas e 7,2 mil munições. 


Além disso, a apreensão de maconha teve aumento de 19% nos cinco primeiros meses de 2020. Sendo assim, neste ano foram apreendidas 13 toneladas, enquanto em 2019, 10,9 toneladas da droga. Se for feita uma comparação entre o resultado atual com o obtido entre janeiro e maio de 2018, o crescimento é ainda mais expressivo, com 47,7% de acréscimo. 


Por fim, em 2018, a apreensão do entorpecente no período foi de 8,8 toneladas. (Com Rede Sul de Notícias). 

https://i.ibb.co/4F125LN/DUBENA-1.png

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad