Após briga envolvendo PM, moradores de Pitanga fazem manifestação - Portal Douglas Souza - Notícias da Região.

Notícias

Post Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

Após briga envolvendo PM, moradores de Pitanga fazem manifestação

A briga envolveu um policial militar, uma mulher e um homem com um facão. Os manifestantes pedem justiça

Foto - Reprodução/Redes Sociais/Via RSN
Uma briga em praça pública causou revolta nos moradores de Pitanga no fim de semana. Os moradores estão organizando uma manifestação nesta segunda (14) às 19h, em frente a praça da Matriz. Com a hashtag ‘#Justiça_Pela_Neia’, eles pedem justiça ao caso, afirmando que “mexeu com uma, mexeu com todas”. 

Isso porque nesse sábado (12), uma mulher de 31 anos e o companheiro de 35 anos se envolveram em uma briga com um jovem de 19 anos que portava um facão na praça Largo dos Pioneiros. Além disso, pessoas que estavam no local filmaram o briga. As imagens mostram que o jovem estava portando uma faca e ameaçando a mulher. Ameaça que se estendeu ao companheiro dela. 

ENTENDA O CASO - Por volta das 21h30, a equipe policial se descolou até a praça Largo dos Pioneiros para atender uma rixa. De acordo com o relato da mulher à PM, o companheiro se envolveu em uma briga com um jovem, que estava com um facão. Desse modo, os policiais se deslocaram ao local, e constataram a briga. 

Assim, a equipe conteve os envolvidos e os encaminhou até o cartório da 3ª CIA para a lavratura do termo circunstanciado. Além disso, a PM encontrou um facão no chão e o apreendeu. 

NOTA DE IMPRENSA - Contudo, após suspeitas que um dos envolvidos era um policial militar, o 16º BPM divulgou uma nota de imprensa. Assim, confirmando que se tratava de um PM e trazendo esclarecimentos sobre o caso. Bem como, informando que já determinou a instauração de um procedimento administrativo apuratório, para investigar e possivelmente punir o envolvido.

E em consonância a isso, já nesta data de 14 de dezembro, as vítimas e todos os envolvidos na situação serão ouvidos via Termo de Declaração na sede da 3ª Companhia do 16º BPM, por um oficial”. 

Além disso, na nota, o Major Cristiano M. Cubas de Lima afirma a PM não é conveniente com esse tipo de atitude. “Esclarece ainda o Comando da Unidade que a Polícia Militar do Estado do Paraná, bem como o 16º BPM, nunca foi e nem nunca será conivente com atos irregulares, sejam eles de cunho administrativo, ou sejam eles de cunho criminal, onde as apurações sempre são e sempre serão imparciais”. (Com Rede Sul de Notícias).
LOGO001
Participe do grupo de WhatsApp do Portal Douglas Souza e receba informações em seu celular; Grupo de WhatsApp Portal Douglas Souza
Whats-App-Image-2020-11-30-at-19-16-14

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad