https://blogger.googleusercontent.com/img/a/AVvXsEgjqNWX2Ex2ZwZCkkiyiVKdUW7-_rKAGTbTOYHI6swESGNaFuLa998wGuaQVmX4zJgHobLM_DDfe8GDnvWTymZbuva_3wWrdzm6Lo9AHa_b2IiTmSJdTEsdE9E2gQ1csAQU2Ip4H9S7JV9vExXzRHrNSgO2AaWWMsz7k2ohPmz8NCE7xoTTOERaVH_45A=s16000

Obra da segunda ponte entre Brasil e Paraguai atinge 57% de execução

A obra é fruto de uma parceria entre Itaipu Binacional e Governo do Paraná

Foto - AEN

As obras da segunda ponte de ligação entre o Brasil e Paraguai atingiram 57% de execução durante o mês de maio. A chamada Ponte Internacional da Integração é a segunda que atravessa o Rio Paraná, e liga Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado, à cidade paraguaia de Presidente Franco. A previsão é que a ponte seja entregue em 2022.

A obra é fruto de uma parceria entre Itaipu Binacional e Governo do Paraná, integrando um pacote de mais de R$ 1 bilhão de investimentos da hidrelétrica na infraestrutura do Estado, de forma a impulsionar sua logística e desenvolvimento. O Governo do Paraná é responsável pela gestão da execução da obra, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR).

O investimento na ponte é estimado em R$ 323 milhões, dos quais já foram aplicados cerca de R$ 136 milhões – o equivalente a 42% do valor total. Segundo o boletim técnico de maio publicado pelo DER-PR, no lado brasileiro a ponte avançou em dois pontos: na elaboração da segunda etapa da caixa de equilíbrio – estrutura que nivela a ponte na altura da rodovia – e na estrutura de encontro, que liga a caixa interna à rodovia de acesso da ponte. Até o dia 31 de maio, a previsão é que o mastro principal alcance os 132 metros de altura.

Na margem paraguaia foi executado o quarto trecho em concreto armado em direção à margem do Rio Paraná. Também foram iniciadas a execução da segunda etapa da caixa de equilíbrio e as instalações necessárias para comportar os cabos de estaiamento da retaguarda da ponte. O mastro principal do lado paraguaio deve atingir os 113 metros de altura até o fim do mês.

ESTRUTURA – A ponte terá 760 metros de comprimento e um vão-livre de 470 metros – o maior da América Latina. Serão duas pistas simples com 3,6 metros de largura, acostamento de três metros e calçada de 1,7 metro nas laterais. Sua estrutura será maior que a primeira ponte de ligação ao Paraguai, a Ponte Internacional da Amizade, e se localiza a cerca de 10 quilômetros de distância dela. (Com AEN).

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
https://blogger.googleusercontent.com/img/a/AVvXsEhFUunwjVcqmCFMl2wzTBAERXRKZRb_jheK00tfjVFXAoXYX2eyRula0vIaxRC2Ry_Lnt7bX81RmamFkORegbjXdVhskeJpiGYUoITK3UAKRjUHTPCqMyEPciH1LXMcV__6M4lezXqdrXl25MJ0TPY9rtJPywNblcmC-yFD-HTW3zDFdY5cpr9GR84joA=s16000
https://blogger.googleusercontent.com/img/a/AVvXsEgjqNWX2Ex2ZwZCkkiyiVKdUW7-_rKAGTbTOYHI6swESGNaFuLa998wGuaQVmX4zJgHobLM_DDfe8GDnvWTymZbuva_3wWrdzm6Lo9AHa_b2IiTmSJdTEsdE9E2gQ1csAQU2Ip4H9S7JV9vExXzRHrNSgO2AaWWMsz7k2ohPmz8NCE7xoTTOERaVH_45A=s16000
https://blogger.googleusercontent.com/img/a/AVvXsEgjqNWX2Ex2ZwZCkkiyiVKdUW7-_rKAGTbTOYHI6swESGNaFuLa998wGuaQVmX4zJgHobLM_DDfe8GDnvWTymZbuva_3wWrdzm6Lo9AHa_b2IiTmSJdTEsdE9E2gQ1csAQU2Ip4H9S7JV9vExXzRHrNSgO2AaWWMsz7k2ohPmz8NCE7xoTTOERaVH_45A=s16000