https://i.ibb.co/3FFvsLT/PUB01.gif

Operação da PM reforça policiamento ostensivo em várias regiões do Estado

A quinta edição da Operação Pronta Resposta foi lançada nesta sexta-feira (13). Objetivo é intensificar as ações nas cidades com maiores índices de criminalidade. Equipes vão reforçar o policiamento ostensivo no que diz respeito aos crimes de homicídio, crimes transfronteiriços, crimes contra a vida, entre outros

Foto - Reprodução/AEN

O policiamento ostensivo na Capital e no Interior do Estado está reforçado a partir desta sexta-feira (13) com o efetivo da Operação Pronta Resposta V, com o objetivo de coibir crimes, principalmente homicídios. As equipes policiais das Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam) e do Batalhão de Operações Especiais (Bope) participaram de oficinas para nivelamento de procedimentos e técnicas policiais voltadas ao atendimento de ocorrências e enfrentamento aos casos de maior complexidade, como confrontos armados, roubos e tentativas de furto às agências bancárias.

Segundo o subcomandante-geral da PM, coronel Rui Noé Barroso Torres, os policiais militares foram distribuídos em várias regiões do Estado, com base no planejamento operacional interno da PM, que indicou cidades que precisam de um incremento da presença da Polícia Militar para inibir crimes.

“Estamos na quinta edição da operação e o objetivo é reforçar o policiamento nas cidades do Interior que possuem maiores índices de homicídio. Essas equipes partiram para o Interior e ficarão por 15 dias reforçando o policiamento ostensivo no que diz respeito aos crimes de homicídio, crimes transfronteiriços, crimes contra a vida, entre outros”, destacou.

A operação foi lançada oficialmente na manhã desta sexta-feira (13), no estacionamento do Parque Barigui, em Curitiba. As viaturas do Bope e das Rotams, de diferentes regiões do Estado, se colocaram lado a lado, já preparadas com os equipamentos necessários para iniciar o patrulhamento tático.

A meta da Operação Pronta Resposta é proporcionar reforço de efetivo e viaturas às unidades da PM que atendem os municípios, com equipes mais preparadas para dar suporte no patrulhamento ostensivo e, quando houver, fazer o enfrentamento a grupos criminosos que tentem praticar furtos e roubos ousados.

NIVELAMENTO – Todos os integrantes passaram por dois dias de nivelamento técnico na Academia Policial Militar do Guatupê (APMG). O trabalho foi coordenado pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope), com instruções práticas feitas pelos oficiais e praças especializados em patrulhamento tático e de controle de distúrbios civis.

Os policiais militares exercitaram técnicas de abordagem, tiro policial, patrulhamento ostensivo, uso de escudo balístico, conduta de patrulha em mata, entre outros.

A operação Pronta Resposta está na quinta edição. Foi criada em 2020, composta por policiais militares atuantes no serviço ostensivo, preparados para prestar rápido atendimento em ocorrências de maior risco, como furtos a agências bancárias. As ações têm foco nas regiões com maior índice criminal, de acordo com a análise da corporação.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
https://i.ibb.co/nD1c9pj/PUB02.gif
https://i.ibb.co/3FFvsLT/PUB01.gif
https://i.ibb.co/3FFvsLT/PUB01.gif