https://i.ibb.co/6y2ZDDq/PUB01.gif

Suspeito de estelionato é preso em Guarapuava após golpe do emprego

Conforme as informações, ele pedia em torno de R$ 600 de cada pessoa que se interessava pelo "emprego". Cerca de 600 pessoas foram enganadas

Foto - Leitor RSN

Um homem de 30 anos foi preso pela Polícia Civil de Guarapuava nesta quinta (9), por ser suspeito de estelionato. As vítimas informaram que Thiago Ribeiro Slota aplicava o golpe do emprego, em que ele prometia vagas de trabalho. No entanto, pedia em torno de R$ 600 de cada pessoa que se interessava pela “oportunidade”.

Cerca de 600 pessoas foram enganadas, o que contabiliza aproximadamente R$ 48 mil em dinheiro recebido pelo golpe. Isso porque, as vagas prometidas pelo homem não existiam. As vítimas estão na delegacia apresentando denúncia e seguem na expectativa de recuperar o dinheiro. De acordo com informações extraoficiais, somente ontem (8) o suspeito movimentou cerca de R$ 17 mil. Desse modo, ele foi preso e encaminhado à 14ª SDP. As pessoas também estão no local para prestar depoimentos.

PROCON
No dia 31 de agosto, o Procon foi até a empresa “MP Recrutamento e Seleção de Pessoas LTDA”, após denúncias. Os profissionais responsáveis pelo órgão fiscalizador solicitaram os contratos que o homem fez com as vítimas e ele afirmou que não tinha a documentação. Além disso, disse que o alvará estava da empresa em andamento. O Procon também pediu que ele esclarecesse os valores que cobrava das pessoas.

Ontem (8), o homem foi ao órgão pedir prorrogação de prazo para apresentar a documentação e disse que na próxima semana contrataria todas as pessoas para que trabalhassem na empresa dele. Segundo denúncias feitas ao Procon, ele prometia salários que variavam entre R$ 2 mil e R$ 3,5 mil. (Com Portal RSN).

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
https://i.ibb.co/64yJqg1/PUB02.gif
https://i.ibb.co/6y2ZDDq/PUB01.gif
https://i.ibb.co/6y2ZDDq/PUB01.gif